Início Site

Marketing Digital para Negócios Locais é tema de aula on-line para o Programa Conecta Copersucar

0

O empresário e especialista em marketing digital Cesar Marcondes, diretor executivo da rede de franquia Distrito Digital e fundador da Agência Otimize, ministrou uma aula on-line sobre as principais ferramentas de marketing digital para os participantes do Programa Conecta Copersucar, uma iniciativa da Copersucar em parceria com o Instituto Crescer organizado por meio de 5 ações integradas e coordenadas que visam a Formação Integral do Sujeito e Empoderamento Comunitário.

Durante a aula, criada com exclusividade para o Programa, o especialista explanou sobre os recursos disponíveis para Otimização de Sites, Anúncios Online, Redes Sociais e Estratégias de Marketing e esclareceu dúvidas dos alunos que participaram.

O profissional compartilhou dicas que as pessoas podem adotar em suas empresas para melhorar o posicionamento na internet fortalecendo sua presença digital e, por consequência, suas vendas. Dentre as ferramentas e estratégias apresentadas destacam-se Google Ads, Google Meu Negócio e Google Analytics. Também foram citadas outras ferramentas como OLX, GetNinjas, Mercado Livre e Distrito Digital para geração de vendas online.

Marcondes também apresentou dois cases de sucesso real por meio do trabalho de marketing digital desenvolvido durante os 8 anos de experiência com micros, pequenas e médias empresas em todo o Brasil.

“Foi muito bom compartilhar a experiência com os jovens empreendedores e mostrar as diferenças entre Google e Redes Sociais, além da definição do público-alvo que a empresa precisa definir, como fator de resultado numa ação de marketing.” afirma Marcondes.

O material da aula “Marketing Digital para Negócios Locais” organizado por Marcondes foi encaminhado a todos os participantes e está também disponível gratuitamente pelo link: https://mailchi.mp/6757e9fac562/do6p9y8d71

Digital do Bem

Cesar Marcondes promove desde 2017 o “Projeto Social Digital do Bem” que tem como objetivo arrecadar alimentos para doações a instituições por meio de palestras que abordem temas como vendas, inovação e empreendedorismo.

O projeto já teve duas edições e arrecadou alimentos que foram doados para as entidades AELUZ e Instituto Lar Esperança de São José do Rio Preto, interior de São Paulo.

A terceira edição está prevista para o mês de outubro de 2020 em um modelo virtual. “Devido à pandemia esse ano, estamos analisando uma maneira de realizar o evento on-line do Digital do Bem com objetivo de ajudar uma entidade ou associação com uma aula via Internet. Além da arrecadação de alimentos através da videoaula, o empresário pretende, junto com a rede de franqueados Distrito Digital, também disponibilizar um mini site gratuito para as entidades, associações e organizações sociais terem um lugar na internet para divulgar o trabalho realizado, além de classificados.

Conheça mais sobre a iniciativa visitando o site:

1° Edição em 2017 – Renda revertida para AELUZ
http://hubpme.com.br/palestra-abordara-tendencias-do-marketing-digital-para-2018-em-sao-jose-do-rio-preto/

2° Edição em 2019 – Alimentos doados para o Instituto Lar Esperança
http://hubpme.com.br/palestra-beneficente-em-rio-preto-sobre-ferramentas-google-em-prol-do-instituto-lar-esperanca/

Facebook Comentários

Porto Seguro lança modalidade de seguro fiança mais acessível

0

A Porto Seguro apresenta uma versão mais econômica e simplificada do seguro fiança. Com coberturas mais enxutas, o produto, que recebe o nome de Porto Seguro Aluguel Essencial, chega ao mercado com o custo até 40% menor que um seguro fiança tradicional e oferece, de maneira mais ágil e acessível, as principais vantagens da ferramenta – substituição do fiador ou caução, transferência de responsabilidade do pagamento do aluguel para a seguradora em caso de inadimplência, além da dispensa de comprovação de renda e envio de documentação.

“Lançamos o Aluguel Essencial para oferecer aos inquilinos e proprietários não só uma garantia sólida, mas uma solução que também proporcione uma experiência mais fácil para que eles concretizem suas locações neste momento de instabilidade financeira”, afirma Rodrigo Elorza, gerente de Riscos Financeiros e Capitalização da Porto Seguro. Segundo o executivo, o processo de aprovação do cliente ocorre automaticamente no momento do cálculo, apenas com o CPF.

Visando alcançar as pessoas que também procuram por imóveis para o primeiro aluguel, o Porto Seguro Aluguel Essencial garante a indenização de até seis vezes o valor do aluguel. Além de substituir o fiador ou caução, os clientes contam com acesso gratuito durante três meses ao Reppara!, plano de assinatura para serviços residenciais do Grupo Porto Seguro. Os inquilinos ainda podem participar de sorteio anual de até R$ 50 mil do PortoCap, título de capitalização da companhia.

Sobre a Porto Seguro

A Porto Seguro é uma empresa brasileira com mais de 70 anos de mercado e está entre as maiores seguradoras do País, ocupando a primeira posição nos ramos de Seguro Auto e Residência. Atualmente, são quase 8,4 milhões de clientes únicos, 12,9 mil funcionários, quase 10 mil prestadores e 36,4 mil corretores parceiros. A companhia tem ainda 101 sucursais e escritórios regionais em todo o Brasil. O Grupo Porto Seguro é formado por 27 empresas – entre elas Azul Seguros, Itaú Seguros de Auto e Residência, Porto Seguro Saúde e Porto Seguro Uruguai – que atuam nos mais diversos ramos como seguros, produtos financeiros, serviços de emergência e conveniência, proteção e monitoramento, plano de saúde para Pets, entre outros. Em 2019, o lucro líquido da companhia foi de R$ 1,387 bilhão.

Facebook Comentários

Empresários de Rio Preto compartilham dicas para negócios enfrentarem a Pandemia

0

Na última sexta-feira 4 de setembro de 2020 o portal HUB PME reuniu mais de 12 empresários de São José do Rio Preto para uma reunião online sobre novos canais de venda.

Na ocasião o assunto escolhido foi discutido e debatido por todos os participantes, gerando boas perspectivas e soluções para outras empresas conseguirem passar por essa crise. Nós listamos aqui as principais ações que as empresas tem adotado:

– Vender mais para os mesmos clientes;
– Intensificar a divulgação no ambiente online, incluso redes sociais;
– Criação de novos parceiros de negócio com definição da comissão ou da troca de serviços;
– Uso do whatsApp com lista de transmissão;
– Uso de Whatsapp personalizado, chamando a pessoa pelo nome;
– Reuniões presenciais adotando as medidas de higiene;
– Uso intensificado do suporte remoto e de ferramentas online para reuniões como o Zoom, Google Meeting e Microsoft Teams

Sobre o grupo empresarial HUB PME
Grupo empresarial criado em Janeiro de 2019 com reuniões presenciais a cada quinze dias em algum local para realização de networking, negócios e troca de conhecimento e experiência com a definição de um assunto. As reuniões presenciais em 2019 e 2020 até março estavam sendo realizadas no Empório Café com Viagem, no Georgina Business. Em 2020 com a Pandemia, as reuniões foram canceladas e em Agosto o grupo decidiu retomar no formato online.
O grupo é composto por uma empresa de cada segmento, onde cada empresa é analisada para fazer parte. No caso de ausência das reuniões sem comunicar ao grupo o motivo, poderá ser realizado a remoção. Além dos encontros presenciais, há um grupo no WhatsApp para a comunicação.
Atualmente o grupo empresarial HUB PME conta com 19 empresas participantes.

Facebook Comentários

Cidade de São José do Rio Preto mantém crescimento e chega a mais de 464 mil habitantes segundo IBGE

0

São José do Rio Preto ganhou 4.312 habitantes no período de um ano passando de 460.671 para 464.983 munícipes. O aumento foi de 0,94% em relação a 2019, índice equivalente ao registrado também no ano passado.

Os dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e foram divulgados nesta quinta-feira (27), em portaria do Diário Oficial da União, com estimativas das populações residentes nos 5.570 municípios brasileiros, tendo data de referência em 1º de julho de 2020.

“Rio Preto cresce mais que o estado de São Paulo e mais que o Brasil. A qualidade de vida em São José do Rio Preto é um atrativo para as pessoas que buscam uma cidade moderna e acolhedora para viver e trabalhar”, destaca o prefeito Edinho Araújo.

De acordo com o levantamento, a população atual estimada do Brasil é de 211.755.692 pessoas, 0,76% maior que em 2019, quando tinha-se 210.147.125 pessoas – o país ganhou mais 1,6 milhão de habitantes em um ano. São Paulo continua sendo o estado brasileiro mais populoso, com 46.289.333 habitantes e um crescimento de 0,8% em relação ao ano anterior.

Qualidade de vida

São José do Rio Preto foi eleita a 2ª melhor cidade entre as maiores do país, de acordo com estudo “Os Desafios da Gestão Municipal”, da consultoria de gestão Macroplan, divulgado em fevereiro de 2020. O levantamento considerou as 100 maiores cidades brasileiras, todas com mais de 250 mil habitantes.

Destaca-se também na proteção ao meio ambiente, ao garantir o bicampeonato no programa Município VerdeAzul pela melhor gestão ambiental do estado de São Paulo nos anos 2019 e 2020.

No novo Ranking do Saneamento Básico, divulgado pelo Instituto Trata Brasil neste ano, Rio Preto aparece em 4º lugar entre os municípios com a melhor qualidade de serviço de saneamento fornecido à população local por meio de autarquia municipal.

O município ainda foi contemplado com o 1º lugar no Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor-2019 pelas políticas públicas de incentivo aos pequenos negócios.

Oportunidades

Rio Preto se destaca como polo regional para empreendimentos e negócios. O interesse pela cidade é resultado de políticas públicas diversificadas que apontam para o futuro. As pessoas migram para o interior e buscam cidades de médio porte que reúnem ótimas estruturas de serviços e oportunidades de desenvolvimento.

Segundo o IBGE, Rio Preto é a 52ª cidade com maior população do Brasil e a 12ª do estado de São Paulo.

Fonte: Gazeta de Rio Preto

Facebook Comentários

Google lança diploma em 6 meses e inicia concorrência com universidades nos EUA

0

O Google (NASDAQ: GOOG) decidiu entrar em um dos mais tradicionais setores dos Estados Unidos, o da formação acadêmica. O gigante tecnológico decidiu criar uma série de diplomas mais curtos e mais baratos do que os oferecidos pelas universidades.

O programa é chamado de Certificado de Carreira do Google (Google Career Certificate, em inglês) e trata-se de um conjunto de cursos capazes de formar profissionais de alto nível em diversos setores tecnológicos – todos obviamente úteis para a empresa – sem a necessidade de cursar uma universidade. Todos com direito a diploma emitido pelo gigante de Mountain View, além de um corpo docente alternativo.

Os cursos têm duração de seis meses, sem necessidade de experiência anterior e com bolsas disponíveis. Ainda não há informações sobre os preços, mas seriam por volta de algumas centenas de dólares.

Segundo o Google, as oportunidades de carreira seriam de analista de dados a gerente de projeto, de designer de interface a especialista em suporte de TI. O objetivo é substituir o ensino tradicional, o que acabou gerando muita controvérsia em volta do projeto.

Cursos do Google valerão como um diploma

O que intriga desses cursos, além da expertise do Google na área tecnológica, é justamente a possibilidade de contato com futuros empregadores. A empresa já afirmou que, no mento do processo seletivo, aceitará o Career Certificate como se fosse um diploma tradicional. Os dois documentos terão o mesmo valor.

Além disso, o Google também promete acompanhar os alunos na busca pelo emprego ideal, mesmo fora do ecossistema de Mountain View.

Os cursos do Google estarão disponíveis a partir de outubro, apenas para cidadãos dos Estados Unidos. Entretanto, representa uma novidade que pode abalar o sistema de ensino em todo o mundo. Há quem critique a medida, argumentando que uma empresa privada não pode e não deve se comparar a uma instituição universitária. Há quem o veja como um incentivo para que as instituições tradicionais se reinventem e se aproximem das necessidades do mundo do trabalho, além de reduzir suas mensalidades caríssimas, um dos principais problemas enfrentados pelos jovens dos Estados Unidos.

Fonte: sunoresearch

Facebook Comentários

Setor de Serviços e Outros Negócios teve menor fechamento temporário no Franchising segundo pesquisa

0

Com o objetivo em acompanhar de forma constante os reflexos da COVID-19, a ABF (Associação Brasileira de Franchising), em parceria com a empresa de pesquisas AGP, passou a medir mensalmente o desempenho do setor de franquias no Brasil.

O estudo apontou que, no mês de junho de 2020, houve uma pequena recuperação gradual do mercado de franquias brasileiro.

Faturamento em queda

A queda média no faturamento das franquias em Junho de 2020 foi de 30,1%, significativamente menor do que os 41% em maio e 48,2% em abril.

A reabertura gradual da economia em alguns estados, a elevação das unidades em operação e o maior desenvolvimento de outras canais de venda a partir do digital são as principais causas desta recuperação.

Setor de Serviços teve menor fechamento temporário

O setor “Serviços e Outros Negócios” apontou 2,6% de fechamento temporário em Junho de 2020, o menor dentre outros setores.

A pesquisa foi baseado na amostra de 252 respostas coletadas entre os dias 02 e 13/07 de 2020.

Apesar da grande variabilidade, causada pela diversidade das áreas de atuação das redes que operam no sistema de franchising, em média foram fechadas temporariamente 12% das lojas em Junho.

Para saber dados detalhados da pesquisa, visite o site da ABF.

Facebook Comentários

Franquia Distrito Digital inicia seu plano de expansão em plena pandemia

0

A rede de franquias Distrito Digital, especializada em marketing digital para pequenas e médias empresas, aproveitou o momento de pandemia e quarentena que o Brasil está passando para potencializar o seu plano de expansão. Com modelo de negócio baseado em home office, a rede já está presente em 4 Estados Brasileiros: São Paulo, Paraná, Maranhão e Goiás.

Com um negócio de fácil operação e com demanda crescente nos últimos anos, o negócio ganha força por não precisar de investimento em um ponto comercial. O modelo de negócio home office sugerido para iniciar a operação garante ao investidor custos baixos enquanto o negócio gera receitas através de serviços digitais recorrentes, como gestão de Google Ads, mini sites e outros serviços oferecidos pela rede.

Segundo o CEO e fundador da rede, César Marcondes, o principal diferencial da franquia são os treinamentos contínuos e o suporte total ao franqueado, inclusive no marketing. “Semanalmente criamos artes digitais para os franqueados e definimos campanhas e estratégias para atingir potenciais clientes. Acredito que ouvir o franqueado e analisar juntos as características de cada região tem feito a nossa rede crescer de maneira sustentável”, explica o empresário.

”A opção pela Distrito Digital é por já conhecer a Agência Otimize que faz parte do grupo e por saber que o trabalho é sério e responsável.Isto foi fundamental na minha escolha”, afirma Uriel, franqueado em Curitiba, PR.

Expansão Nacional

Com investimento total de R$ 13.500 (incluso taxa de franquia de R$ 7.500 + capital de giro + instalação) no modelo “Cidade Pequena” (até 90 mil habitantes) e de R$ 18.500 para regiões maiores, a franquia Distrito Digital é uma excelente oportunidade para quem busca ter o negócio próprio. O prazo de retorno em ambos os modelos são de 3 a 10 meses.

A franquia é ideal para futuros empreendedores que querem trabalhar com marketing digital com respaldo de uma empresa com metodologia e conhecimento de mercado adquirido ao longo dos últimos 8 anos.

Segundo o CEO da rede, a meta é chegar a 36 unidades em funcionamento até o fim de 2020.

Sobre o Distrito Digital

Nascida em São José do Rio Preto (SP), a Distrito Digital é uma franquia especializada em marketing digital que entrou para o franchising em 2019. A rede oferece solução especializada em publicidade local através de um guia comercial – on-line, aplicativo e modelos pré-prontos – direcionados as micro e pequenas empresas. Com quatro modelos de negócios, o investimento inicial é de R$13.500 (home office), e prazo de retorno estimado entre 3 a 10 meses. https://distritodigital.com.br/

Facebook Comentários

A importância de fazer prospecção

0

Cada vez mais distante das empresas, principalmente das startups, a prospecção de clientes por meio de ligações que permitem entender e qualificar contatos e coletar dados estratégicos para os negócios estão cada vez mais raras.

Talvez esse não seja o cenário ideal. Acredito muito no poder da ligação fria ou como alguns “experts de vendas” chamam “cold call”.

Ontem dia 19 de agosto de 2020, por volta das 10 horas da manhã, ligaram no meu escritório oferecendo um sistema para controle financeiro e emissão de boletos. O meu analista comercial, educadamente, orientou a pessoa ligar no meu celular, pois eu estava participando de um curso on-line e não podia atender.

Em menos de 1 minuto, a pessoa me ligou no celular, eu expliquei o motivo de não poder atende-la. Rapidamente me falou dos benefícios da ferramenta e já me enviou no WhatsApp o link para que eu pudesse fazer um teste.

Enfim, se não fosse essa ligação dela, jamais eu teria conhecido a ferramenta. Ainda não sei se me tornarei um cliente, mas com certeza lembrarei da marca quando precisar. Então, não tenha medo e nem vergonha, se for necessário para seu negócio, pegue o telefone e ligue.

Há pessoas do outro lado da linha ávidas por uma solução.

Adotamos essa estratégia na solução de mini sites do Distrito Digital, onde enviamos o link para a pessoa conhecer. Sempre que você envia algo sólido, no papel, que possui uma embalagem, o cliente se encanta!

E você, o que acha dessa estratégia?

Artigo escrito pelo empresário César Marcondes, proprietário da Agência Otimize e da franquia Distrito Digital.

Marcondes é formado em Engenharia de Computação e especialista em Marketing Digital desde 2012, onde já criou e gerenciou mais de 550 campanhas durante o período.

Facebook Comentários

Desde 1956 pela primeira vez não haverá o Prêmio ACIRP em Rio Preto

0

Tradicionalmente, o Prêmio Acirp homenageia e enaltece empresas e empresários que se destacaram pelo seu potencial característico. É uma noite aguardada porque dá luz àqueles que, todos os dias, lutam para manter seus negócios funcionando, inovam, investem, ampliam; são guerreiros de todos os portes que sobem ao palco da Noite Empresarial e recebem, orgulhosos, o Diploma de Mérito oferecido pela nossa entidade.

2020, porém, começou diferente. E, infelizmente, pela primeira vez desde 1956 não teremos nossa premiação anual; não existe clima empresarial para isso. Foi uma decisão muito difícil! E, este ano, nosso evento seria ainda melhor, afinal, comemoraríamos o centenário da Acirp.

Mas, se o Prêmio ainda pudesse acontecer, teríamos uma dificuldade imensa em avaliar todos os questionários. Sabe por quê? Desde o início desta pandemia, vemos empresários lutando para manter seus negócios de pé, se esforçando para se adequar às mudanças, para manter seus funcionários empregados e ainda manter o otimismo. Infelizmente, também vimos com muita tristeza aqueles que não resistiram e precisaram encerrar os seus negócios.

Todos vocês, TODOS, são VENCEDORES! E são dignos de receber o nosso Prêmio Acirp 2020. Orgulhamo-nos em ser a sua voz, e estamos aqui por vocês!

Desta forma, eternizaremos nosso centenário com outras ações tão importantes e especiais quanto; porém, sem aglomeração e adaptadas para esta nova realidade.

As novidades virão logo! Elas estão sendo preparadas com o carinho e a dedicação de sempre pelo nosso time que trabalha e tem orgulho em ser a sua voz, a VOZ DE QUEM PRODUZ!

Fonte: Acirp Rio Preto

Facebook Comentários

Rio Preto poderá ser fase amarela na próxima sexta-feira dia 21 de agosto

0

O prefeito de Rio Preto, Edinho Araújo (MDB), reuniu-se com o secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi (PSDB), nesta segunda-feira (17) para discutir a pandemia da Covid-19. Há previsão de mais leitos para região de Rio Preto, para que assim avançar à fase amarela do Plano SP. O que anima o governo é a queda de novas internações. Ao comparar os últimos sete dias, a região teve queda de 5,7%, o que já ocorre desde a semana passada.

Nesta segunda, o Departamento Regional de Saúde (DRS) de Rio Preto fechou em 78,9% o índice de ocupação de leitos de Unidade Terapia Intensiva (UTI), o segundo maior de todo Estado. Para avançar para o amarelo, a região precisa diminuir até a próxima quinta-feira (20) o número de internações e chegar ao patamar de 75%. Franca voltou a assumir a primeira posição com 80,1%, o que mantém a região na fase vermelha do Plano SP.

Fonte: dlnews

Facebook Comentários